sexta-feira, julho 21

Comecando a trabalhar

E vem o primeiro dia... Mein Gott!
Aventurando-me na cozinha. Isso pra quem me conhece já é motivo de gargalhada, mas o resultado dessa empreitada é ainda pior: eu consegui fazer um arroz marrom, totalmente úmido (é isso mesmo, a água nao secava) e isso tudo em duas horas! Ai, ai, ai... Incrivelmente o Opa aqui come tudo: colocou um monte de condimentos, misturou os legumes que tinha e voilà!, aí tínhamos um arroz comestível. Como diria o Opa: "Ja, ja..!".
Ele até agora é meu membro da família preferido. Nao tem das frescuras de só poder assistir alguns minutos de TV por dia, sabe ligar e desligar um aparelho eletrônico e come da maneira certa: com vícios. Decididamente eu odeio e nao sirvo pra ser saudável. Sim, eu gosto de verduras e legumes, eu como muiiiitas frutas, mas eu nao agüento essa coisa de só poder comer uma bala e pronto, você já teve sua parte divertida do dia. Ah, qual é! Um pouco de sedentarismo nao faz mal. Desse jeito eu até me sinto deslocada pra usar o pc, afinal de contas a família toda quer ficar no jardim onde tem um milhao de moscas, abelhas e outros insetos desagradáveis. CHEGA LOGO, INVERNO!

Bem, essa de comecar com o trabalho já me fez ver algumas coisas: a Kind é extremamente mimada. O pior é que eu nao sei quando devo deixar a família tomar conta e quando eu devo entrar. Quero dizer, claro que quando estamos só nós duas é meu dever brincar com ela, mas e depois que a família chega? Nem adianta eu falar o nome dela que ela nem ouve! E além disso parece que eu estou atrapalhando a melacao toda dela com os pais (especialmente com a mae, que faz praticamente tudo o que ela quer, inclusive chorar quando a pequena chora). Well, well... No momento eu tô decidida a deixá-los, ainda mais depois que a mae fez um comentário sobre ter que me pagar horas extras porque eu estaria ficando mais tempo sozinha com a Kind do que as que estao no contrato. Pelo que eu entendi, entao, quando eles estao em casa nao é considerado tempo de trabalho, e portanto eu nao preciso ficar com ela. Vou seguir essa "regra" por enquanto, ver no que vai dar.

6 comentários:

Fefa disse...

"No momento eu estou decidida a deixá-los".
Deixá-los aonde, Jesus Amado? Juro pela Santa Protetora de Inteligência que eu não entendi essa última parte. Explique-se!
Ah, mulezinha de Jesus, hoje eu pensei em vc o dia todo(mas agora eu tô pensando no Jhonny Depp. C não fica ofendida não, né?)!!!
Morrendo de saudades frescais...
Bjokitchas!

Liu disse...

é, tb naum intendi essa de deixa-los...
e o opaaaaaaaa! é o pai? cuidado, heim lolita! tem muita historia por ai de cara q da uns pega na baba, viu?!
e naum os odeie, vc ficara um bom tempo com eles.... HUAHAHAHUAUAHUHAUHAAAAAAaaaa!!!!...

Liu disse...

e se vc demorar 5 dias pra contar sobre um acontecimento vai criar um atraso monstro nas historias! mais presteza, mais presteza!!! tenho fome de conhecimento e sede de informação!!!

helenfreakingout disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
helenfreakingout disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Fefa disse...

Bem, vc pode NÃO falar comigo, mas eu falo com vc. Ou escrevo. Sei lá.
Acontece que eu tô com saudades e queria que vc soubesse. :)
Jenubeba alemã, como vai sua vida, hein, hein, hein? Foi boa a festa lá naquela cidade de nome esquisito lá?(Nossa, quantos lá. Lá, lá, lá, lá, lá....contabiliza agora!)
Huahauhauahauahuahaauahuaha!
Só passei pra te dar um besito, amiga! (AMIGA!!!)
C tá guardadita no fundo de mi corazón!
Bjokas.

Obs: A Lela humilhou com esse último comment dela, hein. Cruz "in" credo, afeee Maria!