domingo, outubro 21

Sonhos


Eu queria ser criativa. Queria mesmo. É, provavelmente, a coisa que eu mais desejaria na minha vida. Infelizmente não sou dotada de um gênio espetacular, então permaneço uma leitora voraz, uma cinéfila desesperada, uma internauta curiosa, uma ouvinte empolgada.

O mundo da fantasia é realmente... hum... fantástico. É tudo tão mágico! Existem estrelas que caem na Terra para acabar encontrando o amor, escolas para formação em bruxaria, livros com o poder de puxar seus leitores pra dentro da história que contam, anéis que provocam guerras fenomenais, ilhas perdidas em brumas, mochileiros se aventurando pela galáxia. Isso sem falar nos seres fantásticos: elfos, anões, duendes, hobbits, ents, lobisomens, vampiros, bruxos, magos e super-heróis! E os lugares? Terra-Média, Hogwarts, mundos paralelos, Terra do Nunca...

Fuga da realidade? Talvez. Mas relembrando bons tempos de ficção científica empolgante: você acredita na Matrix? Hahahaha!

Enfim, espírito ansioso pelo Anime Festival e já sendo ambientado pela overdose de quadrinhos no FIQ (preparação psicológica!). E, claro, por causa das leituras frenéticas exclusivas do tema. Deosss, estou perdida! Daqui a pouco fico no mundo dos sonhos! Ops! Pensando bem, não é uma boa idéia... Apesar de eu gostar muito do Morpheus! (Tá lendo? Não vá me dar pesadelos hoje!)

***

Como ontem (sábado) o blogger estava com problemas, não deu pra postar o que tinha escrito. Só dando um feedback: não tive pesadelos! =)

2 comentários:

Martchéénha disse...

"E os lugares? Terra-Média, Hogwarts, mundos paralelos, Terra do Nunca..."

Sem falar em outros mundos paralelos e também fantásticos que vc já conheceu pelo mundo não? Ver como o ser humano pode ser incrivelmente diferente dos nossos próprios padrões é uma experiência tão... descentradora! Nem sei se a palavra existe, mas enfim... Algo que faz com que a gente saia do nosso próprio círculo e comece a perceber outras realidades. O que também não é alheio à experiência de conhecer outros mundos imaginados (e viva a Terra Média hahaha).
Ficou meio confuso, né? Mas acho que deu pra entender.
Besos, muchacha!

lévia da yakusa disse...

viva o fantástico!..o melhor de tudo é quando estamos conevrsando "mas só depois ele eprcebeu que o mal não leva alugar nenhum" ou "nossa, mas os elfos são legais"...sempre fico pensando em quem possivelmente escutasse esse comentário avulso.......o fantástico é um mundo onde eu moro de vez em quando!

bjo moçoila!